ARTE

A comédia "O Rebuliço", de Solon Barreto, com produção da Usina Criativa, estreia hoje em Irecê

Cultura&Realidade - 30 de Março de 2019

file-2019-03-30154823.722516-o_rebuoico656b4094-531c-11e9-a938-f23c917a2cda.jpg

O elenco da peça "O Rebuliço" é promessa de grande sucesso durante toda a temporada - Foto: Captada da página de Pedro Sodré

Nesta sexta-feira, 29, teve pré-estreia da peça “O Rebuliço”, que tem texto e direção de Sollon Barreto, com produção do time da Usina Criativa, coletivo que trabalha com artes, especialmente cênicas.

O autor da comédia disse à redação do site Cultura&Realidade, que a trama se passa no século passado e conta a história da família Furtunato, em tempos de casamentos arranjados, especialmente em razão dos dotes monetários.

O enredo tem como personagens centrais, o patriarca Fortunato, sua filha Belinha, a empregada Perpéstua e a madrasta Doralice. No enredo a madrasta se junta com o Dr. Menelau e tenta dar o golpe no marido a partir de uma grande farsa, logo transformada num grande rebuliço.

“A comédia trás personagens típicos da época e situações hilárias que vão fazer a plateia se envolver e se divertir com o grande rebuliço.”, aposta Sólon Barreto, que além de escrever a peça, dirige e atua como o Fortunato.

Quem foi à pré-estreia garante que é certeza, durante todo o espetáculo, um bom momento antiestress, com bom desempenho dos atores e atrizes que fazem o público rir o tempo todo.

Falando em público, mais uma vez este faz uma denúncia em eventos desta natureza: o auditório lotado escancarou, mais uma vez, a urgente necessidade de uma casa de cultura, ou centro de cultura, onde se possa ter o ambiente adequado para o desenvolvimento de todas as tendências artísticas que são latentes na comunidade, associadas à “sede” do público por agendas voltadas para as manifestações artísticas e culturais ireceenses.

Isso ficou evidente com a lotação do auditório do Colégio Modelo , que mais uma vez abriga alternativamente artistas e público, para mais uma temporada de teatro na cidade, que estreia hoje, 30, e segue em cartaz até o dia 27 de abril.

PERSONAGENS E GRANDE ELENCO

Os personagens são Perpétua (Karen Moitinho), Doralice (Mirta Dourado), Dr. Menelau (Péricles Barreto), Tom Peteca (Bruno Dourado), Pai Didico (Renato Sampaio), Belinha (Mari Dourado), Sinira (Érica Vilella), Pierre Pompeu (Sócrates Júnior), Chico das Almas (Mozar Primo) e Fortunato (Sollon Barreto).

SERVIÇOS:

Horário das apresentações: 20h

Local: Auditório do Colégio Modelo

Ingressos: R$ 20,00 (inteira), R$ 10,00 (meia) e R$ 30,00 a casadinha.

Pontos de Vendas: Sertão Burguer, Óticas Águia, Casa Medeiros, Shopping do Médico.

O artista plástico Sollon Barreto, que também é o autor e diretor da peça "O Rebuliço" - Foto: Extraída da página pessoal de SB