file-2017-02-08175959.335653-Banner-CR-topo-notcia_22b9a9f62-ee39-11e6-aece-047d7b108db3.jpg

Cultura, Esporte e Lazer

Publieditorial

As crianças do Endança invadiram o picadeiro do circo

João Gonçalves - 26 de Agosto de 2017 (atualizado 05/Set/2017 09h04)

file-2017-08-26155755.701999-capa_endance7857a252-8a90-11e7-97a4-f23c917a2cda.jpg

Dançarinos e dançarinas do Endança encantaram o picadeiro. FOTO - Tamires de Castro

A cidade de Irecê teve na última quinta-feira, 24, um espetáculo circense diferenciado, fruto da parceria entre o circo Holiday e o Centro Multicultural Endance, escola ireceense de dança. Iniciado às 19:40h, o evento foi dirigido pelas professoras Adriana Dourado e Lívia Sena e contou com a participação das famílias dos alunos.

Durante mais de duas horas, os artistas do circo intercalaram com as crianças e dançarinos do Endança, diversas coreografias com temas circenses. As famílias que acompanharam as suas crianças nas apresentações se divertiram com o espetáculo.

Diogenes Dourado, 67 anos acompanhou sua neta e ficou encantado. “Foi muito bom voltar ao circo, ver minha netinha dançando e me reencontrar com as palhaçadas e os trapezistas. Aquelas moças subindo e descendo nos pedaços de pano foi emocionante”, disse o comerciante aposentado.

Os palhaços Taipoca (Aécio Bastos) e Izops (Marcio Gonçalves) animaram a plateia com suas mímicas e brincadeiras, que, mais que palhaçadas, foram verdadeiras aulas de amor, compreensão, respeito e convivência, sem uso da oralidade, apenas as expressões corporais transmitindo mensagens significativas para o público.

Ao todo foram 28 apresentações, através das quais foi possível conhecer a origem das artes circenses e verificar o desempenho acrobático e artísticos das crianças, dançarinos e dos artistas do circo Holiday.

Confira as fotos

A professora Adriana e Lívia estão planejando em repetir o espetáculo em praça pública. De acordo com elas, através da ludicidade promovida pela dança, nas suas mais variadas formas, verifica-se diversos benefícios na formação das crianças. “Nota-se maior capacidade de concentração, cooperação, espírito de equipe, respeito às regras de grupo e reordenamento motor, além do desenvolvimento das habilidades artísticas e intelectuais”, destaca Adriana.