file-2017-02-08175959.335653-Banner-CR-topo-notcia_22b9a9f62-ee39-11e6-aece-047d7b108db3.jpg

Politica

Ernani mantem ajuda de articulações em defesa dos agricultores familiares

João Gonçalves - 09 de Novembro de 2018

file-2018-11-09164321.283562-ernanib6ac9806-e457-11e8-8738-f23c917a2cda.jpg

Ernani e o deputado Luiz Caetano, agenda permanente a favor dos agricultores familiares - Foto: Divulgação

Após diversas viagens a Brasília, defendendo os interesses dos agricultores, concernentes às dívidas agrícolas, o tesoureiro do Sindicato Rural de Irecê e Diretor da Copirecê, Ernani Dourado (REDE), que atualmente também responde pela sub-secretaria de agricultura do município de Irecê, voltou feliz da última visita à Capital Federal.

“Temos lá muitos amigos que tem nos ajudado bastante, exemplo de Nelsinho da Faeb, deputado federal pelo estado do Piauí, Júlio Cesar e o nosso amigo e deputado federal Luiz Caetano”, diz Ernani, ressaltando que eles tem contribuído bastante para que a lei de renegociação das dívidas agrícolas sejam mais satisfatórias para os produtores das regiões do Norte e Nordeste e do norte de Santa Catarina e Minas Gerais, que fazem parte do polígono das secas.

“Avançamos bastante na definição de melhores condições de pagamento ou renegociações, permitindo que os agricultores tenham novos créditos. Com isso, conseguimos fazer com que os bancos suspendessem o ajuizamento de muitas propriedades que estavam em processo de execução na Justiça Federal, acionada pela AGU – Advocacia Geral da União”, comentou.

Ernani aproveitou sua estadia em Brasília para visitar Luiz Caetano, para agradecer. Segundo ele, “Caetano tem dado importante apoio aos produtores rurais do nosso município. É um deputado de se fazer presente, de luta. Não é de mandar recado, é de ir para o combate”, diz.

Além do seu apoio nas negociações das dívidas agrícolas, conforme informa o sub-secretário de agricultura de Irecê, “o deputado ajudou com emenda parlamentar para a construção da estrada que liga o mercadão à BA 052, dois tratores agrícolas equipados com patrulha mecanizada, um via a prefeitura e outro pela Copirece, bem como três implementos agrícolas que demandamos em nome associação do povoado do Achado e 150 horas de serviços de retroescavadeira para construção de reservatórios para nossos produtores rurais”, apontou Ernani.