file-2017-02-08175959.335653-Banner-CR-topo-notcia_22b9a9f62-ee39-11e6-aece-047d7b108db3.jpg

Irecê e Região

Gestor da Atenção Básica promove diálogos comunitários visando melhor compreensão dos serviços de saúde

Cultura&Realidade - 24 de Abril de 2018

file-2018-04-24222403.861934-paulo57320748-4827-11e8-800d-f23c917a2cda.jpg

 

 

Reunião realizada na sede da Associação Comunitária do bairro Ginásio de Esportes - Foto: Tamires de Castro

A secretaria de saúde do município de Irecê passou por uma reforma administrativa. A técnica Ana Cacia, que exerceu a titularidade da pasta até o mês passado, após superar diversos desafios frente a função, solicitou mudança de atividade e agora faz consultoria no órgão. Ela foi substituída pela economista e especialista em gestão pública, Dulce Barreto, uma escolha do prefeito Elmo Vaz.

Como subsecretário, cargo antes ocupado pela a atual secretária, foi nomeado o enfermeiro e gestor hospitalar, com especialização em programas especiais de saúde pública, Paulo Henrique, que tem como missão fundamental, diagnosticar e melhorar os serviços da Atenção Básica, envolvendo a Unidade de Pronto Atendimento – UPA e as Unidades Básicas de Saúde (UBSs/PSFs).

A nova estrutura dá continuidade ao plano de gestão da secretaria e o novo subsecretário está desenvolvendo agendas descentralizadas, visitando as comunidades, ouvindo os agentes comunitários de saúde, os profissionais dos PSFs e os moradores, articulados pelas organizações sociais locais, como associações comunitárias.

“A iniciativa tem sido bastante satisfatória. Temos a oportunidade de ouvir as pessoas e o mais importante, explicar os desafios, esclarecendo como funciona o sistema de saúde”, observa Paulo Henrique. Para ele, os encontros estão permitindo a definição de prioridades juntos aos profissionais e comunidade.

A professora Edna, presidenta da Associação Comunitária do bairro Ginásio de Esportes, avaliou o encontro ocorrido no último dia 20: ´´Estou muito feliz e emocionada por vocês terem vindo a nossa associação. Há muito tempo lutávamos para sermos ouvidos. Agora estamos tendo a oportunidade em dialogar, de compreender e sermos compreendidos”, disse.

Os encontros comunitários já ocorreram nos bairros Fernandes, Ginásio de Esportes e Boa Vista, São José e Lagoa do Tió.

Subsecretário de saúde Paulo Henrique - Foto: Tamires de Castro