file-2017-02-08175959.335653-Banner-CR-topo-notcia_22b9a9f62-ee39-11e6-aece-047d7b108db3.jpg

Irecê e Região

Irecê vai contar com Zona Azul como um dos meios de organização da mobilidade urbana

Cultura&Realidade - 30 de Março de 2018

file-2018-03-30125315.724151-elmo75632eda-3432-11e8-98f4-f23c917a2cda.jpg

Prefeito Elmo Vaz diz que a Zona Azul vai melhorar a rotina do transito de Irecê - Foto:Pascoal Ferreira/Irecê Repórter

Irecê vai contar, a partir do dia 9 de abril, com um sistema de organização dos estacionamentos públicos de sua região central. A 'Zona Azul', como é conhecido o sistema de estacionamento rotativo em vias urbanas, irá organizar a ocupação de vagas nas vias públicas pelos veículos automotores e ciclomotores com a demarcação de espaços, controle dos horários de funcionamento e cobrança de tarifa junto aos usuários.

Por meio de uma coletiva de imprensa realizada na tarde desta terça (27), a autarquia municipal de trânsito e a concessionária que vai operar o serviço apresentaram aos jornalistas locais os detalhes de funcionamento do sistema. Estiveram presentes o Prefeito de Irecê, Elmo Vaz; o Coordenador Municipal de Trânsito, Ronaldo Miron; o diretor da Soma Park, Marcos Vasconcelos; e também secretários municipais, representantes da Polícia Militar e da sociedade civil.  

Durante a coletiva, o prefeito Elmo Vaz destacou que a zona azul vai gerar maior mobilidade urbana e economia. "Estamos implementando um sistema moderno. Através de um aplicativo as pessoas poderão fazer gestão do que foi pago, sendo descontado apenas o valor do tempo utilizado. Além do mais cada pessoa gasta muito mais com gasolina, rodando à procura de um estacionamento, do que com o tempo que precisará para resolver suas necessidades no centro da cidade", enfatizou Elmo.

A Soma Park, empresa concessionária vencedora do edital aberto pela Prefeitura de Irecê, é a responsável pela implantação e operação da Zona Azul no município. Por sua vez, a Coordenadoria Municipal de Trânsito e Transportes (CMTT) fará a fiscalização e controle social do sistema em consonância operacional com a concessionária. Ao todo serão oferecidas 492 vagas para carros e camionetes; e 100 vagas para motos e similares (scooters, quadriciclos etc). A cobrança de tarifa será feita de segunda a sexta, entre 8h e 18h, e aos sábados de 8h a 12h.

A Zona Azul de Irecê será totalmente informatizada e integrada em rede. Com o aplicativo Digipare, já disponível para Android e iOS (IPhone), os usuários poderão fazer o pagamento pela vaga no ato e também comprar créditos que poderão ser usados posteriormente. O sistema é utilizado em outras 40 municípios por todo o país, e o usuário ireceense poderá utilizar as zonas azuis desses locais da mesma maneira. Quem não quiser ou puder utilizar o app contará com 21 monitores de trânsito nas ruas, prontos para atendimento. O tempo médio previsto para atendimento do usuário será de até 2 minutos, caracterizando rapidez e presteza no serviço.

Nos primeiros 30 dias de funcionamento não haverá cobrança de tarifa. Somente a partir de 9 de maio entrará em vigor o valor de R$ 2,50 por hora para carros e R$ 1 por hora para motos. Um detalhe importante: quem fizer o pagamento pelo aplicativo, terá direito a cobrança proporcional ao tempo de permanência, valendo a partir de 30 minutos de utilização. Com a medida, os usuários poderão racionalizar melhor o uso do sistema e economizar dinheiro.

O tempo máximo de permanência na vaga será de 2 horas. Caso o usuário não seja atendido imediatamente por um monitor de trânsito, haverá um tempo de carência de 10 minutos para que seja providenciado uma forma de pagamento, seja por meio presencial ou digital via Digipare. A Soma Park disponibilizará aos usuários postos de venda espalhados pela cidade e uma tenda inflável itinerante que será montada sempre em local de grande demanda.

Vagas preferenciais - A Zona Azul contará, em conformidade com o *Código de Trânsito Brasileiro (CTB), com vagas destinadas para pessoas idosas (5%) e portadoras de deficiência física (2% do total). Para fazer jus ao uso das vagas preferenciais, o usuário idoso e/ou com deficiência física deverá requerer o cartão de identificação em link específico no site da Prefeitura, que emitirá uma requisição ao usuário. De posse do documento, bastará ir até o balcão específico no Prefeitura Atende para retirar o cartão.

 Nos próximos dias, a prefeitura disponibilizará em seu site oficial um guia para orientar os usuários a melhor forma de utilizar o sistema da Zona Azul. Lá, uma lista de perguntas e respostas auxiliará o público a tirar as principais dúvidas sobre o novo serviço.