Irecê e Região

Segunda etapa dos Centros Juvenis de Ciência e Cultura, foi aberta nesta quarta, em Irecê

Cultura&Realidade - 17 de Julho de 2019

file-2019-07-17121637.394674-centrosdee34b04-a8a5-11e9-ab6a-f23c917a2cda.jpg

Abertura dos Centros Juvenis de Ciência e Cultura (CJCC) - Foto: Olga Lara/Cultura&realidade

A abertura da segunda etapa dos Centros Juvenis de Ciência e Cultura - CJCC, ocorreu na manhã desta terça-feira, 17, no espaço do antigo colégio Centro, em Irecê, com apresentações de dança, música, poesia e outras atividades que estarão sendo apresentadas até o fim da tarde.

O que são?

Os Centros juvenis são uma iniciativa da Secretaria de Educação do Estado da Bahia, para promover a ampliação da jornada escolar e a diversificação do currículo dos estudantes, onde é feito um trabalho em formato de oficinas, projetos e também temas livres, onde os alunos podem trabalhar com diversas temáticas como dança, música, poesia e outras manifestações artísticas.

São nove etapas em todo o estado e é destinado aos alunos do 9° ano do Ensino Fundamental, até o 3° do Ensino Médio da rede pública municipal e estadual. Os cursos são gratuitos e contam com entrega de certificados.

Cursos que abrangem áreas de língua portuguesa, arte, jogos de tabuleiro, redação, sustentabilidade e outros, serão disponibilizados na sede em Irecê. Abaixo, banner com cronograma de atividades.

De acordo com Bruno Ramos, um dos professores dos centros, o projeto é de suma importância, pois, os alunos estarão participando em turno oposto realizando atividades que farão com que o mesmo desenvolva habilidades de raciocínio e concentração como, por exemplo, nos jogos de tabuleiro, que contribuem para o desempenho do mesmo em sala de aula e outros ambientes. “Ele (estudante) vai tá aqui em turno oposto, ele não vai tá ocioso, né? Ele vai desenvolver atividades que vão contribuir em questões de raciocínio e concentração, que contribuirão para seu desempenho em sala de aula convencional por exemplo”, disse.

Da redação, por Olga Lara