Educação

UFSB vai reduzir investimento em pesquisa para pagar energia e água

Cultura&Realidade - 18 de Maio de 2019

file-2019-05-18084534.022118-ufsb72240f98-7962-11e9-9efe-f23c917a2cda.jpg

Universidade Federal do Sudoeste da Bahia (UFSB) Foto: Divulgação

Por causa do contingenciamento do Ministério da Educação (MEC), a Universidade Federal do Sudoeste da Bahia (UFSB) informou que será obrigada a reduzir investimento em pesquisa e extensão, para pagar contas de energia e água.

Ao G1, a instituição informou que o chamado orçamento discricionário – referente aos recursos que a gestão da universidade pode decidir como utilizar a partir de suas demandas próprias – é de R$ 31.529.663,00 para a UFSB em 2019.

Do total, que inclui tudo o que pode ser aplicado em termos de custeio e investimento, foram bloqueados R$ 17.014.631,00, o que equivale ao percentual de 54% — não fazem parte do orçamento discricionário o pagamento de salários, encargos trabalhistas, aposentadorias e pensões.

Da redação, com informações do site Bahia Notícias